Daniel Magalhães apresenta seu primeiro CD gospel “Deus tem o melhor pra mim”

[ads1]Com canções e ritmos que vão do pop ao samba-rock, o ex-cantor sertanejo apresenta álbum com um novo conceito da música cristã no Brasil

Dani ConexãoDono de uma voz singular e muito carisma, o mineiro Daniel Magalhães se desponta como a nova voz do cenário da música gospel nacional. O cantor mostra o seu talento ao apresentar o seu primeiro trabalho gospel “Deus tem o melhor pra mim”. O álbum reúne canções que vão do pop ao samba-rock, refletindo de forma inusitada no gênero gospel a diversidade musical do Brasil.

Filho de um dos maiores compositores de música brasileira, o Franco, autor da canção “Telefone Mudo” (considerado o hino da música sertaneja secular) Daniel Magalhães aos 14 anos de idade formou dupla com Henrique, juntos, se apresentavam como a dupla sertaneja “Henrique e Ruan”.

Ao longo dos 12 anos de carreira, a dupla recebeu prêmios como o de Artista Revelação em um dos maiores eventos sertanejos do Brasil, o “Caldas Country”. Em 2009, lançaram o DVD “A Nossa História”, chegando a fazer mais de 31 shows por mês com esse trabalho. No ano de 2012, a dupla alcançou o auge do sucesso, fazendo shows por todo o país com artistas como Zezé de Camargo e Luciano; Bruno e Marrone; e Gian e Giovani. No mesmo ano, foi considerada a número 1 na capital federal, chegando a ganhar o prêmio “Correio Brasiliense” como melhor dupla e revelação de Brasília.

Porém, Daniel Magalhães, sempre contou com a intercessão de sua mãe. Evangélica, orava para que o filho abandonasse o mundo e se entregasse por inteiro aos caminhos de Deus. E foi o que aconteceu. Ainda em 2012, após ser tomado pelo Espírito Santo, o cantor anunciou que deixaria seu trabalho como artista secular.

Hoje, Daniel Magalhães começa a escrever uma nova história após renunciar a fama e os males que ela trouxe a sua vida, como o sentimento de solidão e a depressão. “Neste mundo, não são as pessoas que são escravas dos artistas, pelo contrário, nós que tínhamos que fazer o que elas queriam”, revela o cantor. “Era o Ruan, o Daniel eu já havia esquecido há muito tempo. O Ruan estava consumindo o Daniel, mas sempre tive no meu coração que um dia pararia”, disse o cantor, que ainda compartilhou que o testemunho de Rodolfo Abrantes (ex-Raimundos), também foi muito importante nesse processo.

Recém contratado pela SaraMusic, o primeiro álbum gospel de Daniel Magalhães traz 13 canções de sua autoria. Destaque para as músicas “Deus tem o melhor pra mim”, escolhida para ser o single do disco, e “Se pecado fosse bom”, canção contagiante e que já é considerada um sucesso.

Para saber mais sobre a vida e carreira de Daniel Magalhães acesse o site do cantor www.danielmagalhaes.com.br

Curioso, esperto, sarcástico. Alguns adjetivos que podem me caracterizar, mas não me definir. Sou uma metamorfose ambulante, carente de novidade, de inovação. Blogueiro, estudante universitário, funcionário público. Não sei tudo de tudo, mas não se preocupe, eu aprendo rápido! Fundador do site Gospel Músikas. Email: danilo@gospelmusikas.com.br

Comentários

  1. Alexsandro Costa disse:

    Não tinha ouvido falar desse cantor….

  2. É né, tomara que seja verdadeira essa converção, pois alguns hoje em dia só querem fazer fama com os evangélicos e acabam conseguindo !