Letra do hino Imperfeito de Anderson Freire

Imperfeito
Anderson Freire

Pai, perdoa o meu jeito de achar que sou perfeito
Vejo erro nas pessoas, e não olho meus defeitos
Justifico-me com o bem quando o mal eu pratiquei
No final, eu reconheço quando eu erro outra vez
Estou sempre declarando: “quero ser como criança”
Com o coração tão cheio de maldade e de vingança
Pai, perdoa o meu jeito de achar que sou perfeito
Sou tão falho pecador detalhado de defeitos.
Coro
Pai, meu Pai, tenho muito que mudar
Pai, meu Pai, me ajude a melhorar.
Pai, a minha oração pode parecer tão dura
É que essa realidade no meu peito só machuca
Não dava pra esperar, amanhã seria tarde
Te entregar meu coração é minha prioridade
Me olhando nessa hora ainda não sou perfeito
Mas eu sinto que me amas mesmo eu sendo desse jeito
Obrigado por me ouvir
Não vou nem me despedir
Fica aqui dentro de mim
Para nunca mais sair.

Curioso, esperto, sarcástico. Alguns adjetivos que podem me caracterizar, mas não me definir. Sou uma metamorfose ambulante, carente de novidade, de inovação. Blogueiro, estudante universitário, funcionário público. Não sei tudo de tudo, mas não se preocupe, eu aprendo rápido! Fundador do site Gospel Músikas. Email: danilo@gospelmusikas.com.br